Jorge daCruz -the great arrival l 240x300cm, k37 studio, bethanien Berlin 2018 / by jorge cruz

journey72.jpg

Jorge daCruz -the great arrival | the world creation l charcoal on paper, 2018 | 240x300cm l © k37 studio, bethanien Berlin

 

The terrace should be the ceiling of some annex below. Maybe a room, or ... He waits.

"The terrace upstairs is the ceiling of the bar downstairs! This is ..."

"That's it", the captain says, looking out the window towards the dark part of the river.
"Then it should have been about 5 meters long and 3 or 4 meters wide, in one-square mode. In the middle, a small white block of cement imitating a small bench. Here we have the iron structure ..."
"What structure? Didn't you tell me it was some kind of ship mast?", asks the captain with a stern mouth and eyes in the shape of an arrow, as someone who really knows about the subject, wearing glasses at the tip of his nose.
"But a ship mast is vertical, is it not? So it's a framework for me."
"No. It is not. No... Sorry, but a structure is something bigger, like a bridge or a building. This, to me, is a structure. If it is tall, it has 3 legs, and is supposed to tie things, like a mast can attach a candle in the wind, it is not a structure - it is a mast !!!
"All right, Captain! By talking, we get to understand each other. Let's call it a 3-legged mast?", the Master says to the Captain, already a little red in the face from explaining something that he himself did not understand. And after one more puff on the cigarette, the Captain nods affirmatively, and the Boatswain continues.
"At the end of the 3-legged mast ... they put a tube with a kind of lens on it. One at the top and one below, where
can look through it. It looked fragile and heavy ... and they pointed to the sky. The sun was still a little there in the orchards of Azevedo, so it was still clear day ... You could only see one or two stars, the ones that are first to appear in the sky. They use this tube to orient themselves in the sea ... and to see the sky ... Do you see, Captain? Are you seeing anything?I was told that a millimeter on this side of the tube always represents millions of miles on the other side. So they are moving so smoothly that it seems that nothing changes... but in fact they were travelling thousands and thousands of miles without even leaving the terrace of the blue hotel on the bank of that river. And they didn't know the star or the planet they were looking for, they didn't see anything ... because it was only darkness ...
"Darkness?? So this is not supposed to make you see in the night? By day you can not see!" The Captain rises suddenly.
"Yes, that's true, but it's a million miles between each star, and it's only two centimeters here. Do you see, Captain?"
"Humm", and goes out the door. The Boatswain scratches his chin.
"It made me think, dear Captain, that a mast with 3 legs is worth more than a candle in the wind ... Do you see, Captain?



Captain of Sea and Earth

"O terraço deveria ser o tecto de algum anexo em baixo. Talvez um quarto, ou… -espera. O terraço cá em cima é o tecto do bar cá em baixo! Isso és...

-sim é isso, continua. Diz o capitão olhando para a janela em direcção á parte escura do rio.

-enfim deveria ter por ai uns 5 metros de comprido e 3 ou 4 de largo, em modos de um quadrado. no meio um pequeno bloco branco de cimento a imitar um pequeno banco.Ai se montou a estrutura de ferro...

-Qual estrutura? Não me disseste que era uma espécie de mastro de navio? pergunta o capitão com a boca sisuda e o os olhos em forma de seta, assim como quem entende muito do assunto e ainda por cima está a usar óculos no final do nariz.

-Mas um mastro de navio é vertical, nao é? Então é uma estrutura para mim.

-Não. não. não… desculpe mas uma estrutura é uma coisa maior, como uma ponte ou um edifício . Isso para mim é uma estrutura. Se é alto tem 3 pernas e serve para atar coisas como um mastro ata uma vela ao vento, não é numa estrutura é um mastro!!!

-De acordo, Capitão!

É falar é que a gente se entende. Vamos lhe chamar mastro com 3 pernas? Diz o contra Mestre ao Capitão, já um pouco vermelho de lhe estar a explicar algo que ele próprio não entendia.

E após uma mais baforada no cigarro  o Capitão acena que sim, e o Contra Mestre continua.

-No final da est… do mastro de 3 perna..., colocaram-lhe um tubo com uma especie de lentes . Uma no topo  e outra em baixo onde colocam um dos olhos. Tinha ar de frágil e pesado... e apontaram para o céu.

O sol ainda estava um pouco lá para os hortos do Azevedo, por isso estava ainda claro dia … um pouco, via-se só uma estrela ou outra, aquelas que aparecem sempre primeiro no céu.

Utilizam esse tubo para se orientar no mar… e para ver o ceu... Está a ver o Capitão? está a visualizar?

Disseram-me que um milímetro neste lado do tubo representa sempre milhões de quilómetros do outro lado. Por isso estavam fazendo movimentos tão suaves que parecia que não mudava nada… mas na verdade estavam viajando milhares e milhares de quilómetros sem sair do terraço do hotel azul á beira daquele rio.

e nao soubessem a estrela ou o planeta que queria ver, não viam nada… porque so estava escuro…

-Escuro?? então isso nao é para ver a noite?De dia nao dá para ver!  Levanta-se o Capitao de forma repentina.

- sim é verdade, mas são milhões de quilómetros entre cada estrela e aqui são só dois centímetros. Está a ver Capitao?

-humm. e sai  porta a fora,  ficando o Contra Mestre a mexer no queixo.

-isto fez-me pensar, Caro Capitao. Pensar que que vale mais um mastro com 3 pernas que uma vela ao vento...

Está a visualizar Capitão?

Capitão de Mar e Terra